Helsinque

Proudly UNQUIET

Patrocínio:

Capital do design, das saunas…e do silêncio.

Helsinque não costuma ser a escolha mais óbvia para quem quer conhecer os países nórdicos. Não é conhecida como Copenhague, exótica como Reykjavík ou majestosa como Estocolmo. Mas quem se aventura a conhecer a capital finlandesa encontra um lugar onde o design, as saunas e o silêncio fazem parte do cotidiano como em nenhuma outra parte. 

Só para se ter uma ideia, é a primeira cidade do mundo a nomear um CDO – Chief Design Officer. Não é à toa que qualquer banco de praça, sinal de trânsito ou toalha de mesa no bar mais simples tem desenho sofisticadamente minimalista. O Design District com suas dezenas de lojas espalhadas por 25 ruas do centro abriga o Museu do Design, fundado em 1873, e que é uma das principais atrações da cidade. Alvar Aalto, um dos arquitetos-designers mais influentes do século 20, deixou sua marca por toda Helsinque em prédios e mobiliários urbanos.

Helsinque LGBTQIA+
Gay Pride | Foto: Getty
Design District | Foto: iStock
Didrichsen | Foto: Divulgação
Kiasma | Foto: iStock
Hietalahti Market | Foto: iStock

Outra personalidade finlandesa famosa mundialmente é Tom of Finland, artista gráfico que inspirou profundamente o imaginário e estética gays com seus homens musculosos e fetiches de couro. Existe um tour que mostra sua influência na arte e na vida da comunidade no seu país natal e no mundo.

A Finlândia é reconhecida como um país extremamente tolerante e seguro para LGBTs, mas a cena noturna gay local é relativamente pacata. DTM é o clube para o público queer mais jovem e Hercules Gay Club o mais cruisy. O Bear Park Cafe é popular não apenas entre o público ursino, mas também é conhecido pelos pães e doces.

Perto de lá fica a única sauna gay no país que inventou a sauna. É que literalmente todo mundo faz sauna. São mais de dois milhões de saunas para cinco milhões de habitantes. Dizem que a construção de uma casa finlandesa começa pela sauna. Ainda assim há um número imenso de saunas públicas, que costumam ter dias separados para homens e mulheres. Ainda que todo mundo fique nu, não há clima para paquera gay. Uma das mais bacanas é a Kultuurisauna, com arrojado design nipo-escandinavo, localizada à beira da baía de Töölö, onde é possível mergulhar sem roupa para um saudável choque térmico – no inverno é aberto um buraco no gelo para os mais valentes.

Töölö | Foto: iStock
Museu do Design | Foto: Divulgação
Amos Rex | Foto: iStock

Falando em nadar nu, outra atração é o belo edifício art-déco da piscina pública Yrjönkatu Swimming Hall. Mesmo nos dias apenas para homens o staff é totalmente feminino. Os finlandeses têm uma relação bastante natural com a nudez, já que se habituaram desde pequenos a dividir a sauna de casa com familiares.


Outra característica da cultura finlandesa é o silêncio. Helsinque se vangloria por ser a capital mais silenciosa do mundo. Pode ser estranho para nós, ruidosos brasileiros, isso ser motivo de orgulho. Mas fato é que na Esplanadi, o Champs-Elysées helsinquiano, é possível ouvir o barulho dos sapatos de quem usa salto alto. Um dos marcos arquitetônicos da área é a Capela do Silêncio, um refúgio de quietude no coração de Kamppi, teoricamente o lugar mais ruidoso da cidade.

Capela do Silencio: uma linda construção cilíndrica amarela
Capela do Silencio | Foto: iStock

Pride e Festivais:

Na última semana de junho Helsinque celebra o Orgulho Gay e a chegada do verão com eventos por toda cidade. É levantada uma Pride House, que concentra boa parte das atividades e que esse ano pela primeira vez ocupou o prédio da prefeitura. A parada termina com festa e shows no Kaivopuisto, o mais antigo e famoso parque da cidade. 

Essencial Proudly UNQUIET

Iittala é a marca que define o design de interiores finlandês. Fundada em 1871 como uma fábrica de vidro, se tornou um verdadeiro império do lifestyle escandinavo. Além da loja na Esplanadi, visite o Iitttala Design Center, no artístico bairro Arabia, que oferece a oportunidade de conhecer a história e o futuro projetado pela marca e exposições com trabalhos de artistas e designers locais.

Fãs das icônicas imagens homoeróticas de Tom of Finland podem seguir uma rota de bares, becos e pontos icônicos da capital finlandesa que serviu de inspiração para o artista na The Tom of Finland Experience.

Helsinque LGBTQIA+
Gay Pride | Foto: Getty
Helsinque LGBTQIA+
Tom of Finland | Foto: Divulgação
Helsinque LGBTQIA+
Esplanadi | Foto: iStock
HAM | Foto: Creative Commons

Museus que recomendamos:

Nenhuma visita a Helsinque é completa sem um giro pela cena cultural da capital finlandesa. O Museum of Contemporary Art Kiasma é destaque pelas mostras que não raramente dão visibilidade a artistas do Báltico. O HAM – Helsinki Art Museum guarda a coleção de arte do país e o The National Museum of Finland apresenta uma linha do tempo completa da pré-história até a contemporaneidade. No Ateneum é possível conferir a maior coleção de arte clássica do país. O Design Museum Helsinki é a pedida para admiradores das linhas minimalistas e elegantes do design do norte da Europa. As exposições e performances de artistas contemporâneos do Amos Rex atraem longas filas, mesmo durante o dia mais frio do inverno. Já o Didrichsen, também de arte contemporânea, é um dos ícones arquitetônicos da cidade. A programação cultural finlandesa é das mais agitadas do planeta.

Didrichsen | Foto: Divulgação
Capela do Silencio | Foto: iStock
Helsinque LGBTQIA+
Bear Park Cafe | Foto: Reprodução Facebook

Onde Ficar:

Hotel St. George
Localizado no coração do bairro design de Helsinque, o St. George reúne o melhor do design escandinavo na decoração e uma curadoria de arte que inclui peças de artistas badalados como a imensa instalação do chinês Ai WeiWei no aconchegante lounge principal. O café do hotel é QG da conceituada revista Monocle na cidade. Além do menu montado por excelentes baristas, produtos da marca, incluindo objetos de design, podem ser adquiridos por lá.

Hotel Kämpi
Verdadeira instituição de alto padrão da cidade, o Kämpi está localizado em um complexo que reúne algumas das melhores lojas e restaurantes de Helsinque. Como é padrão nos hotéis da rede The Leading Hotels of the World, conta com serviços personalizados.

Helsinque LGBTQIA+
Hotel St George | Foto: Wikimedia Commons

Idiomas oficiais: Finlandês, Sueco
Moeda: Euro
Clima: Em Helsinque, os verões são amenos e parcialmente nublados e os invernos são longos, gelados, secos e ventosos. Durante o ano, a temperatura geralmente varia de -8°C a 22°C. No dia mais frio do ano, os termômetros podem marcar -20°C e no mais quente 26°C.

    UNQUIET Newsletter

    mobil okey oyna
    https://www.fapjunk.com https://pornohit.net
    evden eve nakliyat
    evden eve nakliyat
    akumyolda.comakumyoldaakumyolda.comakumyolda.comakumyolda.comakumyolda.com
    turkceingilizce.gen.trturkceingilizce.gen.tr
    translatedicttranslate dicttranslatedict.com
    Freetranslations.org is a web site to help you to translate to English from tens of languages as a free translator.freetranslationsfreetranslations.org london escorts
    ©UNQUIET 2024 - Todos os direitos reservados
    Think4
    Voltar ao topo